Publicidades

16/11/2014 | 07:36 | Educação | Três de Maio

Técnico em Informática participa da Mostra Brasileira e Internacional de Ciência e Tecnologia

Evento realizado em Novo Hamburgo contemplou 482 projetos do Brasil e de mais 21 países, realizados por jovens de 15 a 21 anos

Foto: SETREM/Divulgação


A Mostra Brasileira e Internacional de Ciência e Tecnologia (Mostratec) foi realizada de 27 a 31 de outubro de 2014 no Centro de Eventos FENAC de Novo Hamburgo, organizada pela Fundação Liberato. O coordenador do curso Técnico em Informática da SETREM Edinei Daniel Steffen e o estudante do curso Leonardo Luis Ropke representaram a Instituição de Três de Maio no evento.


A Mostratec é uma das maiores feiras científicas do Brasil e tem nível internacional, contemplando 482 projetos de mais de 21 países, realizados por jovens de 15 a 21 anos. São mais de mil estudantes participantes e 10 mil visitantes nos cinco dias de feira. “O evento ocorre anualmente e é uma importante oportunidade para que os estudantes apresentem suas produções científicas. Cada trabalho dispunha de um estande de apresentação para receber professores avaliadores e visitantes”, destaca Steffen.


Visualizando diferentes práticas


“A representatividade e a visibilidade que a Mostratec permite e proporciona aos estudantes é fantástica. A feira tem mostrado uma constante evolução, tanto na questão de infraestrutura e projetos quanto nas premiações. Participar dela é prazeroso tanto para os estudantes quanto para os professores, pois ter a possibilidade de conhecer tantos projetos de várias partes do mundo faz com que seja possível avaliar nossas práticas e comparar se a produção de conhecimento que desenvolvemos em nossas escolas estão no mesmo nível de projetos de nível nacional e até mundial”, complementa o coordenador.


Universo de experiências


O estudante do CTI da SETREM Leonardo Luis Ropke destaca que sua participação na Mostratec foi uma grande experiência. “Lá pude ver culturas e pessoas de diversos países do mundo, interagir com pessoas de todo o Brasil, trocar experiências, fazer amizades e também conhecer os projetos científicos que foram desenvolvidos. É uma feira excelente que recomendo a todos que tiverem a oportunidade de visitar, pois só as experiências e amizades que você faz já valem muito. Ao contrário do que muitos pensam, nós, aqui da região, temos plena capacidade para competir com projetos internacionais", conclui Ropke.

Fonte: Assessoria SETREM

Mais notícias desta categoria

Publicidades


Mario Junior designer