Publicidades

09/01/2020 | 12:25 | Geral

Grande número de visitantes pode comprometer equilíbrio ecológico no Parque do Turvo

Reprodução / Facebook do Parque Estadual do Turvo


O Salto do Yucumã, no Parque Estadual do Turvo, no município de Derrubadas, atrai centenas de pessoas de quinta-feira a segunda neste período. Com o baixo nível do rio Uruguai, o visitante tem uma condição melhor para ver a maior queda longitudinal do mundo, com 1,8 mil metros de extensão. A água cai em uma fenda, de uma altura de 8 m, provocando ruído estrondoso e proporcionando belas imagens. 


No último fim de semana, mais de duas mil pessoas visitaram o parque, 1,6 delas apenas no domingo. 


No entanto, o acesso ao parque é restrito. O gestor ambiental do Turvo, Rafael Diel Schenkel, está preocupado com o número de pessoas que ingressa no local e com o risco de comprometer o equilíbrio ecológico. Ele sugere que somente 252 pessoas entrem no parque de carro e que o restante acesso por transporte coletivo.


Na área abriga espécies ameaçadas de extinção, como a onça-pintada, a onça-parda, cateto, anta, pica-pai-rei, jacutinga, uru e harpia.


Schenkel lembra que o objetivo do Parque do Turvo é a conservação da biodiversidade, o segundo é a pesquisa, o terceiro, a educação ambiental e, em quarto, está o turismo ecológico.


- No domingo, era muita gente no local e um número excessivo de veículos – explica.


Para entrar no Parque do Turvo, o visitante deve assinar um termo de responsabilidade. O funcionamento é de quinta-feira a segunda, das 8h às 16h.

Fonte: Rádio Colonial

Mais notícias desta categoria

Publicidades


Mario Junior designer