Publicidades

27/08/2019 | 18:27 | Praia Notícias | Polícia

Preso suspeito de organizar sequestro da mãe do jogador Taison

Rosângela Barcellos Freda foi levada por criminosos em Pelotas, em julho de 2018

Michel Leivas, 39 anos, foi preso em Içara - Polícia Civil / Divulgação


A Polícia Civil prendeu nesta terça-feira (27) em Içara, Santa Catarina, o homem apontado como mentor e principal responsável pelo sequestro da mãe do jogador Taison, do Shaktar Donetski, da Ucrânia. O crime ocorreu em Pelotas, no Sul, em julho de 2018. Rosângela Barcellos Freda foi encontrada cerca de 10 horas depois, em um cativeiro em um sítio na área rural de Morro Redondo, entre Canguçu e Pelotas.


Ao descobrir o paradeiro da mãe do atleta, ainda no dia do crime, a Polícia Civil prendeu quatro pessoas. Outras três foram presas ao longo da investigação. No entanto, os policiais ainda procuravam o homem preso nesta terça-feira, que era considerado o mentor e responsável pela organização do crime.


Michel Dannemberg Leivas, 39 anos, foi encontrado em uma casa de dois andares. Segundo o delegado Rafael Lopes, da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), o suspeito morava no município e usava documentos falsos para não ter a identidade descoberta. Contra ele, havia três mandados de prisão em aberto.


— Ele já tinha antecedentes por homicídios, tráfico de drogas e organização criminosa. Era conhecido da nossa delegacia. Ele estava foragido inclusive na época que fez o sequestro, logo após deixar monitoramento da tornozeleira eletrônica — declarou Lopes.


De acordo com Lopes, o preso declarou aos policiais informalmente que pretendia arrecadar a quantia de R$ 50 milhões com o sequestro. Ainda teria dito que fugiu da polícia pelo mato no momento em que as viaturas chegaram ao cativeiro. A polícia ainda investiga a participação de mais pessoas no crime.


GaúchaZH tenta contato com a defesa de Dannemberg. 


O sequestro


Rosangela foi encontrada após o sequestro no final da tarde do dia 16 de julho de 2018, uma segunda-feira. Ela foi sequestrada na manhã do mesmo dia. Ela estava em casa, no bairro Navegantes, em Pelotas, quando foi abordada por criminosos na porta da residência. Um homem entregava flores para ela instantes antes do crime.

Fonte: Gaúcha ZH

Mais notícias desta categoria

Publicidades


Mario Junior designer