Publicidades

12/05/2019 | 18:25 | Esporte

Inter deslancha no segundo tempo e vence Cruzeiro

Depois de passar alguns sustos no primeiro tempo, Colorado se acerta nos 45 minutos finais e garante segundo triunfo como mandante no Brasileirão; Raposa segue sem pontuar longe do Mineirão

Globo Esporte


Depois de ser derrotado pelo Palmeiras, o Internacional se reabilitou no Campeonato Brasileiro. Jogando no Beira-Rio, neste domingo, o Colorado venceu o Cruzeiro por 3 a 1, em compromisso válido pela 4ª rodada da competição. E os três pontos foram para o Sul principalmente pelo segundo tempo. Após sofrer alguns sustos no primeiro tempo, os donos da casa tomaram conta da partida, venceram o Cruzeiro por 3 a 1 e chegaram ao segundo triunfo em casa e na competição. A Raposa, que também acumula seis pontos em quatro rodadas, ainda não sabe o que é pontuar fora de casa. Foi a segunda derrota em duas partidas fora do Mineirão.


Primeiro tempo


O primeiro tempo começou movimentado. Antes dos dois minutos, o Cruzeiro saiu rápido em contra-ataque, mas Thiago Neves finalizou para fora, levando perigo a Lomba. Aos 20 minutos, a equipe de Mano Menezes assustou novamente. Pedro Rocha arrancou pela esquerda e, por pouco, Jadson não abriu o placar. Apesar das chances criadas pela Raposa, foram os donos da casa que inauguraram o marcador. Aos 31 minutos, Guerrero cobrou falta, a bola desviou na barreira, bateu na trave, e Nonato aproveitou o rebote: 1 a 0. Mas a vantagem não durou muito. Quatro minutos depois, Thiago Neves cobrou falta para Dedé empatar. O Cruzeiro esteve perto de virar, aos 38 minutos, mas TN finalizou sem força para Lomba defender em dois tempos. Fora o gol de Nonato, o Inter só levou perigo a Fábio aos 45 minutos, quando Nico López recebeu nas costas de Edilson, já na área, mas finalizou no lado de fora da rede.


Segundo tempo


A segunda etapa começou com domínio do Inter. A primeira chance de perigo foi aos seis minutos, com Guerrero, que cabeceou para defesa firme de Fábio. Aos 10, o peruano não perdoou. Edilson errou na saída de bola, a defesa cruzeirense salvou dois arremates colorados, mas o dono da nove empurrou para as redes: 2 a 1. Aos 15 minutos, mais uma chance de perigo dos donos da casa. Cuesta faz lançamento para Nico López, que avança nas costas de Léo, toca na saída do goleiro cruzeirense e vê a bola "beijar" a trave. Mas o lance de maior perigo do Colorado foi aos 22, quando Dodô fez pênalti em Nonato, e D’Alessandro cobrou para fora. A primeira finalização do Cruzeiro foi somente aos 24, com David. Lomba não teve dificuldade para segurar. O goleirão do Inter trabalhou para valer aos 26, quando Fred finalizou mascado da pequena área e ele foi buscar no canto esquerdo. Aos 37, o Inter deu números finais ao jogo. Rafael Sóbis cobrou falta de longe, a bola explodiu no travessão e, no rebote, Moledo fez de cabeça: 3 a 1.

Fonte: Globo Esporte

Mais notícias desta categoria

Publicidades


Mario Junior designer