Publicidades

15/12/2018 | 06:03 | Educação | Três de Maio

Acadêmico cria aplicativo para compressão de dados e aprova artigo na Itália

Pesquisa foi desenvolvida no LARCC e é fruto da evolução do TCC do acadêmico Charles Stein, de Sistemas de Informação da Setrem

SETREM/divulgação


Um artigo do Laboratório de Pesquisas Avançadas para Computação em Nuvem (LARCC) da Setrem foi aceito na Conferência Internacional sobre Processamento Paralelo, Distribuído e Baseado em Rede, uma das mais renomadas conferências da área de processamento paralelo e de alto desempenho, que acontece em fevereiro de 2019, em Pavia, na Itália. O artigo é fruto da evolução do TCC do Charles Mechel Stein, acadêmico de Sistemas de Informação e que faz iniciação científica no LARCC, com auxílio do coordenador do Laboratório, Dr. Dalvan Griebler.


A pesquisa focou na paralelização de um programa de compressão de dados, muito usado em sistemas de backup para reduzir o tamanho dos arquivos e dados. Desta forma, este programa visa reduzir o espaço necessário para armazenar os dados. Isso acaba sendo importante para empresas que fazem backup na nuvem, uma vez que pagam pela quantidade de dados armazenados ou quantidade de dados enviados. “O que a gente fez, em poucas palavras, é tornar mais rápido este programa que é bastante custoso dependendo da quantidade de dados que precisam ser comprimidos ou compactados”, explica Stein.


Os pesquisadores conseguiram reduzir o tempo de compressão (tempo para comprimir um determinado arquivo/dado) em até 135 vezes. “Se um programa sem os nossos algoritmos leva 60 minutos para comprimir um determinado arquivo, o programa usando o nosso melhor algoritmo paralelo levaria 26 segundos”, completa Griebler. Apesar de ser toda realizada no LARCC, a pesquisa para o artigo também contou com a colaboração de pesquisadores da Universidade de Pisa (Itália) e da PUCRS.


O avanço na pesquisa também só foi possível com a chegada da nova máquina adquirida por meio do projeto ParaElastic, da FAPERGS e com apoio da Abase e da Setrem. “Além disso, tivemos o auxílio dos projetos que tenho com a Nvidia-USA, do qual foram doadas duas placas de vídeo, que foram necessariamente colocadas na máquina adquirida para fazer os experimentos deste artigo”, acrescenta Dalvan Griebler.


Segundo o coordenador do LARCC, em breve a ideia é compartilhar o código para que outras pessoas possam usar nas empresas ou até mesmo nas instituições de ensino e pesquisa do mundo todo. O artigo estará disponível a partir do próximo ano na biblioteca digital do Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrônicos (IEEE), uma das principais bibliotecas digitais de artigos científicos do mundo.

Fonte: Assessoria SETREM

Mais notícias desta categoria

Publicidades


Mario Junior designer