Publicidades

15/01/2016 | 08:50 | Praia Notícias | Saúde

Catarinense perde 63 kg em um ano e atribui a corrida diária: 'É viciante'

Aílton Lehmkuhl, de 24 anos, chegou a pesar 145 kg e hoje mantém 82 kg.

Ailton diz que corrida o ajudou a perder peso (Foto: Ailton Lehmkuhl/Arquivo Pessoal)


Foco. Essa é a palavra que define a trajetória de Ailton Lehmkuhl, de 24 anos, na busca pelo emagrecimento. Morador de Santo Amaro da Imperatriz, na Grande Florianópolis, o diretor de informática perdeu 63 quilos em um ano. Ele aponta a corrida como a maior responsável pelos resultados que alcançou: "É viciante. Assim que você vê que começam a mudar as coisas, não quer parar mais."


A saúde e a paixão pelos esportes foram os principais fatores que motivaram Aílton a mudar a rotina e começar a correr. Em janeiro de 2015, quando chegou 145 quilos, Ailton tomou a decisão: "Eu sempre fui ativo e esportista, mas o peso começou a atrapalhar minhas atividades. Daí decidi mudar de vez", conta.


Meses sem beber


A primeira dificuldade surgiu logo de cara: a alimentação. Ailton procurou uma nutricionista, que restrigiu boa parte dos alimentos que ele costumava comer. Com a dieta bastante restrita, a bebida alcoólica também foi extinta do cardápio. Ailton passou sete meses sem beber.


"Hoje já voltei a beber, mas socialmente. A alimentação restrita, as festas com os amigos, no início foi tudo bem difícil, mas nunca perdi o foco".


Seis dias por semana


Nos primeiros sete meses, o informático frequentou a academia diariamente para não ter problemas de flacidez. Hoje, ele conta que não malha mais assiduamente, mas corre pelo menos seis dias por semana. Com isso, mantém os atuais 82 kg em 1,78 m de altura.


"Comecei a participar de maratonas, o que acabou me motivando ainda mais".


Ele diz que pretende participar de uma competição de nove quilômetros nos próximos dias."A família e os amigos ficaram muito orgulhosos. É difícil você ver alguém que alcança isso sem cirurgia, né? Foi puro esforço. Por isso digo, se a pessoa quer, ela precisa focar e acreditar".

Fonte: G1

Mais notícias desta categoria

Publicidades


Mario Junior designer